Oferta/Promoção - Índia - Especial Verão 2018

Desde 1.145 €
<< imagem 1 de 1 >>
Descrição e condições

India -  9 dias / 7 noites

Partidas até 11 de Agosto de 2018

 

ITINERÁRIO:

 

DIA 01: LISBOA / ISTAMBUL / DELI: Comparência no Aeroporto 2h00 antes da saída do voo. Formalidades de check-in e embarque em voo regular, com escala em Istambul, com destino a Nova Deli. Noite a bordo.

DIA 02: DELI / JAIPUR: Chegada a Deli e recepção no aeroporto. De seguida, transfer terrestre a Jaipur, com paragem pelo caminho para tomar o pequeno-almoço. Chegada a Jaipur pelas 12:00. Check-in e alojamento. Tempo livre para descanso.

Pela tarde, pelas 16:00, visita panorâmica à cidade de Jaipur com um tour de orientação passando pelos seus bazares, pelo Museu Albert Hall, antigo palácio construído pelo Marajá de Jaipur para comemorar a visita do Rei George da Inglaterra, hoje convertido em museu e pelo Templo Birla da religião hindu. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento.

JAIPUR: A cidade rosa do Rajastão, é talvez umas das cidades mais pitorescas do mundo. Foi construída segundo os cânones do Shilpa Shastra, o antigo tratado hindu de arquitectura. Dividida em sete sectores rectangulares, com ruas bem traçadas e ângulos rectos, a sua planificação é uma maravilha do século XVIII, quando não havia em mais nenhum sítio uma sistematização similar. Rodeada de abruptas colinas nos seus 3 pontos cardeais, a cidade está guardada por um poderoso muro fortificado, com sete portas.

DIA 03: JAIPUR / FORTE AMBER / JAIPUR: Pequeno-almoço. Pela manhã, saída até Amber, a antiga capital de estado até 1728. Uma experiência única: subida em elefante* para chegar ao topo da colina onde se ergue o Forte Amber, adornado com pinturas e filigranas de mármore. De seguida, visita panorâmica a Jaipur (que deve o seu nome ao Marajá Jai Singh, príncipe e astrónomo, que desenhou e fundou a cidade em 1727). Visita ao observatório astronómico que o próprio monarca construiu. Este observatório é dotado de instrumentos desenhados pelo monarca, de tamanho considerável e cuja precisão é difícil de igualar até mesmo nos dias de hoje. Visita ao Palácio do Marajá, antiga residência real, e hoje em dia museu de manuscritos, pinturas de Rajput e Mongol e armas. Continuação através da zona residencial e de negócios da «Cidade Rosa», passando pela Hawa Mahal (Palácio dos Ventos), um dos monumentos mais antigos do mundo. Jantar e alojamento no hotel.

*Nota: O Departamento de Arqueologia limitou o uso de elefantes para as subidas ao Forte de Amber. O número limitado de subidas foi alterado de acordo com a regulamentação do horário de verão.

De acordo com o mesmo, o uso de elefantes estará disponível entre as 07h00/10h00 e as 15h30/17h00.

Desta forma os passageiros têm que sair cedo do hotel, e esperar na fila para conseguir fazer a subida em elefante. Tendo em conta o grande número de visitantes e o facto de não haver elefantes com licença em número suficiente, os clientes poderão vir a ter que ser transportados até ao forte em jipe, como alternativa.

DIA 04: JAIPUR / ABHANERI / FATEHPUR SIKRI / AGRA (236 KMS): Pequeno-almoço. Pela manhã, partida em direcção a Agra visitando em caminho os poços escalonados (stepwells ou kalyani) de Abhaneri e de seguida Fatehpur Sikri. Chand Baori é talvez um dos mais famosos e espectaculares poços do mundo, situado na povoação de Abhaneri. Foi construído por volta de 800 d.C., e desenhado para tornar o abastecimento de água possível a muitas pessoas. É um dos maiores e mais profundos poços do mundo, com 3.500 degraus em corredores estreitos repartidos por 13 andares e com mais de 30 metros de profundidade. É como um edifício de 10 pisos, mas construído de forma invertida, até ao interior da terra. 

A pouco mais de 40km de Agra encontra-se a cidade abandonada de Fatehpur Sikri, construída pelo Imperador Akbar em 1569 e abandonada pela sua incapacidade de provisão de água. Os edifícios da cidade estão notoriamente conservados, nomeadamente a mesquita Jama Masjid, o túmulo de Salim Chisti e o Panch Mahal. Chegada a Agra e visita a um dos monumentos mais importantes do mundo - o Taj Mahal, um canto de amor construído pelo Imperador Shah Jehan, em 1630, para servir de mausoléu à sua rainha Mumtaj Mahal. Esta maravilha arquitectónica é uma obra-prima inteiramente erguida em mármore branco. Artesãos vindos da Pérsia, do Império Otomano, França e Itália, ajudados por 20.000 trabalhadores, em 17 anos terminaram esta obra, cuja perfeição arquitectónica deslumbra quem o visita. Check-in no hotel. Jantar e alojamento.

DIA 05: AGRA: Pequeno-almoço. Saída para visita ao Forte de Agra, nas margens do Rio Yamuna, em pleno centro da cidade. A sua arquitectura reflecte três imperadores mongóis: Akbar, Jenhangir e Shah Jahan. No interior do complexo encontram-se algumas estruturas interessantes, como o Jahangiri Mahal, o Anguri Bagh, o Khas Mahal e a Mesquita Moti Masjid. De seguida, visita ao Jardim Mehtab Bagh na outra margem do rio Yamuna onde se pode apreciar extraordinárias vistas do Taj Mahal. Regresso ao hotel, jantar e alojamento.

DIA 06: AGRA / DELI: Pequeno-almoço. Saída por estrada até Deli. Chegada, check-in no hotel e alojamento. Pela tarde, visitas:

Passageiros em categoria Primeira: excursão ao templo Akshardham (Swaminarayan Akshardham), que significa «divina morada de Deus».Oficialmente inaugurado a 6 de novembro de 2005, é um dos maiores templos hindus do mundo. Projectado pelo sadhu Shastri Narayanswarupdas, foi construído com o auxílio de 3000 voluntários e 7000 artesãos. Este monumento, construído em pedra de cor rosa e mármore branco, está decorado com 234 colunas talhadas em pedra, com mais de 20.000 esculturas e estátuas de divindades. O edifício está apoiado nos ombros de 148 grandes estátuas de elefantes e o seu interior conta com 3 salas de exposições situadas ao lado de 2 grandes reservatórios de água.

Passageiros em categoria Superior: excursão ao Templo de Lótus (Baha?i House of Worship). Desenhada pelo arquitecto iraniano Fariburz Sahba, esta moderna e inovadora estrutura ficou terminada em 1986. Tem a forma de uma flor de lótus, com 27 pétalas prestes a abrir. Encontra-se rodeado por nove lagos e relvados numa extensão de 92 hectares. Com origem na Pérsia, a seita Baha?i acredita na humanidade como uma raça única. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento.

DIA 07: DELI: Pequeno-almoço. Em hora a combinar localmente, saída do hotel para dar início à visita da cidade, que começa com uma paragem no forte Vermelho para tirar fotografias. Ali perto encontramos Chandni Chowk (Praça Prateada ao Luar), em tempos a mais elegante avenida de Shahajahanabad, que Shah Jahan gostava de percorrer a cavalo e que ainda hoje é o coração da Velha Deli, onde se fundem actividades comerciais e religiosas. Dalí, passando pelas ruelas da Velha Deli, seguimos para Jami Masjid, a maior mesquita da Índia, construída em 1656 pelo imperador xá Jahan sobre uma elevação natural. De seguida, visita ao túmulo de Gandhi. Sendo conduzidos pela zona de Nova Deli vemos a Porta da Índia, o Palácio Presidencial e o Parlamento. Continuação para visita ao Templo da Religião Sikh onde nos sentamos 10 minutos na sala de oração para observar os visitantes a escutar a oração.

Pela tarde, visitas:

Passageiros em categoria Primeira: excursão ao Templo de Lótus
Passageiros em categoria Superior: excursão ao templo Akshardham

Regresso ao hotel. Jantar e alojamento.

DIA 08: DELI: Pequeno-almoço. Saída para visita aos Jardins de Lodi, um agradável parque, criado em 1936 a pedido de Lady Willingdon, a esposa do vice-rei, e que é nos dias de hoje o «pulmão verde» da cidade de Deli. Frondosas árvores, extensos relvados e bonitos jardins ladeiam os majestosos túmulos dos soberanos das dinastias Sayyid e Lodi, os últimos sultões de Deli. De seguida, visita ao túmulo de Humayun, o segundo imperador mongol. Património da Humanidade, este complexo foi o primeiro exemplo de um túmulo-jardim e serviu de inspiração a outras grandes obras arquitectónicas, que culminou com a construção do Taj Mahal. Foi encomendado pela primeira esposa de Humayun em 1565 a um arquitecto persa. É conhecido como «Dormitório da Casa de Timur» pois aqui jazem também as esposas de Humayun e Dara Shikoh, o filho do xá Jahan. Neste complexo encontra-se também a mesquita de Isa Khan, um nobre do século XVI e o túmulo do barbeiro preferido de Humayun.

Depois de almoço (não incluído), uma visita à Nova Deli permite-nos descobrir o impressionante Qutab Minar (séc. XII) - Torre da Vitória, o mais elevado minarete isolado em toda a Índia, com 72m de altura, graciosamente esculpido à mão, este monumento foi classificado como Património Mundial da Humanidade. Ali perto encontramos o Pilar de Ferro (séc. IV), um tributo à antiga metalurgia indiana, erguido em honra de Vixnu. Esta coluna, após 1500 anos de história tem assistido impassível aos infortúnios do tempo, não tendo sequer oxidado. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento.

DIA 09: DELI / ISTAMBUL / LISBOA: De madrugada, saída em direcção ao aeroporto internacional. Procedimentos de check-in e embarque em voo regular, com escala em Istambul, com destino a Lisboa.

Fim da Viagem!


Nota:
Os programas operados em serviço regular, ou seja, viagens com saídas diárias, semanais, ou datas programadas, em que os serviços (transferes, visitas, guias, ...) são partilhados com outros clientes de diferentes nacionalidades, podem incluir, para além das visitas descritas nos programas detalhados, paragens técnicas, incluindo locais como centros de artesanato e lojas de produtos típicos locais, entre outros, não afectando o conteúdo do programa e assegurando integralmente as visitas planeadas no itinerário.

 

 

Inclui:

- Passagem aérea em classe económica;

- Taxas aéreas sujeitas a alteração até à data de emissão;

- Transferes e visitas/excursões em veículo com A/C (autocarro ou minivan, de acordo com o n.º de participantes);

- 7 noites de alojamento nos hotéis previstos;

- Regime de Meia Pensão;

- Recepção e assistência no aeroporto;

- Passeio de bici-ricxa em Delhi;

- Guia local em idioma espanhol durante as visitas e transferes;

- Entradas nos monumentos a visitar indicados no itinerário (incluindo o Taj Mahal);

- Impostos locais;

- Seguro de Viagens Standard.

 

Não inclui:

- Visto de entrada na Índia, a tratar na embaixada da Índia;

- Bebidas às refeições;

- Outras refeições não mencionadas no programa;

- Gratificações a guias, motoristas, bagageiros, camareiros, etc.;

- Serviços extra e gastos de carácter pessoal;

- Tudo o que não esteja mencionado como incluído;

- Despesas de reserva.

 

Preço por pessoa em duplo.

 

Para mais informações, opções e ofertas, contacte-nos:

http://www.abaixoamonotonia.com/Contacts.aspx